Dicionário de inglês corporativo: Aprenda a falar a língua da empresa

Expressar-se de forma articulada e escrever em um português claro e coerente é fator determinante para muitas contratações. A maioria dos processos seletivos das grandes empresas, por...

198 0
198 0
Faça seu teste idioma online

Expressar-se de forma articulada e escrever em um português claro e coerente é fator determinante para muitas contratações. A maioria dos processos seletivos das grandes empresas, por exemplo, envolvem uma fase de testes online ou presencial que inclui não só provas de raciocínio lógico ou de conhecimentos específicos para o cargo, mas também da língua do país onde a empresa se encontra e, muitas vezes, também de uma segunda língua. Isso porque, independente do cargo ocupado, capacidade de  comunicação é elemento básico para sua jornada profissional, principalmente em um sistema globalizado onde é preciso manter contato com profissionais de diferentes backgrounds e nacionalidades.

Mas existe um idioma comum no mundo corporativo que vai te auxiliar a entender melhor a dinâmica do negócio da empresa e, ao mesmo tempo, facilitar sua integração ao time: o jargão corporativo. Não conhecer os termos corriqueiros no cotidiano da empresa onde você trabalha ou pretende trabalhar é como viajar para um país cujo idioma você não fala. E a situação se agrava se o idioma da empresa não é a sua primeira língua. Isso pode causar muitos contratempos e desentendimentos que acabam atrapalhando seu cotidiano, no sentido de perder tempo com traduções ou dificultar a socialização.

Mas o que é jargão?

Segundo o dicionário Aurélio, jargão significa “linguagem característica de um grupo profissional ou sociocultural”.  A origem da maioria dos jargões são traduções da língua inglesa, o que facilita a familiaridade com alguns termos. Mas também existem as expressões e termos que ganham um novo sentido no contexto corporativo como um todo ou mesmo dependendo do setor em que a empresa atua.

Os jargões mudam de empresa para empresa, mas algumas expressões podem ser consideradas “universais”. Então observe a lista dos termos que você deve acrescentar ao seu vocabulário para facilitar a sua integração não só à cultura da empresa, mas à do próprio país, caso se trate de uma empresa no exterior:

  1. Schedule – serve tanto para o substantivo “agenda” quanto para o verbo “agendar”. Amplamente utilizado para referir-se à marcação de reuniões, por exemplo.
  2. Brainstorm – reunião específica para gerar ideias ou soluções para um problema;
  3. Empowerment – em tradução literal: dar poder. Normalmente usado para referir-se à incumbência de tarefas;
  4. Feedback – resposta a um assunto em aberto;
  5. Briefing/Debriefing – é o ato de passar informação sobre um projeto e depois avaliar como a informação foi utilizada;
  6. Deadline – prazo final;
  7. Follow-up – é o acompanhamento ou retomada de assuntos e projetos em andamento, além de representar o retorno a conversas em aberto por telefone ou e-mail;
  8. Faça seu teste online
  9. Business Plan  – é o plano de negócios ou a diretriz da empresa;
  10. Budget – orçamento;
  11. Workshop – qualquer tipo de treinamento oferecido aos funcionários;
  12. CEO – Chief Executive Officer: Diretor Executivo, cargo mais alto na hierarquia de uma empresa;
  13. CFO – Chief Financial Officer: Diretor Financeiro;
  14. COO – Chief Operating Officer: Diretor Operacional;
  15. CTO – Chief Technology Officer: Diretor de Tecnologia;
  16. B2B/B2C – Abreviações de Business to Business e Business to Customer. Representam os negócios entre empresas e de empresa para cliente, respectivamente;
  17.  Acquisition – obter controle de outra empresa ao comprar a maior parte de suas ações;
  18.  Share – as ações propriamente ditas;
  19.  Shareholder – os donos da empresa com base nas ações que possuem. Eles possuem um valor da instituição em vez de uma propriedade  específica dela;
  20.  Partnership – parceria;
  21. Employment agreement – contrato estabelecido entre a empresa e o funcionário;

É importante lembrar, contudo, que utilizar jargões em excesso pode se tornar cansativo e parecer um esforço desnecessário para se inserir no ambiente. Então observe os hábitos de comunicação e os momentos em que cada expressão é utilizada, principalmente quando se trata de um país estrangeiro onde o comportamento no escritório pode ser diferente. E isso vale tanto para questões pequenas do dia a dia como o uso dos equipamento da cozinha até a aborgadem das apresentações institucionais que você pode vir a criar.

Guest post produzido por Barbara Martins para a Adzuna, site agregador de vagas de emprego e estágio.

Faça seu teste online
In this article

Join the Conversation